O DESAFIO DAS EMPRESAS EM BUSCA DA INDÚSTRIA 4.0

Para entendermos o que é Indústria 4.0 ou Quarta Revolução Industrial temos que voltar um pouco no tempo e passar rapidamente pelas revoluções precedentes a ela.

A Primeira Revolução Industrial ocorreu entre os anos de 1760 a 1860. Também conhecida por mecanização e produção em massa, advém do uso de água e energia a vapor. Ela trouxe rapidez no processo produtivo e facilitou negociações devido à economia da produção em escala.

Já a Segunda Revolução Industrial ocorreu entre os anos de 1850 a 1870  com o uso de energia elétrica. Ela foi vista somente como uma fase da revolução industrial uma vez que não se viu nenhuma ruptura com a primeira.

A Terceira Revolução começou por volta de 1940 após o termino da Segunda Guerra Mundial. Ela se estende até os dias atuais. Suas principais características são uso de robôs e sistemas informatizados no processo produtivo trazendo controle e velocidade em cada operação realizada ao longo da linha.

E a Indústria 4.0? O que é? Porque veio? Como a indústria está se preparando para ela?

Este conceito surgiu junto com um termo que está muito comum nos dias de hoje, IoT(Internet of Things) ou Internet das Coisas. Ela trabalha com seis princípios abaixo:

  1. Interoperabilidade: capacidade das máquinas, peças, mão-de-obra se conectarem entre si através da internet.
  2. Virtualização: sensores de dados conectados em máquinas no conceito de fábrica inteligente e enviados para simuladores e KPI (Indicadores de performance) facilitando a tomada de decisões.
  3. Descentralização: uso de inteligência artificial para que os sistemas tomem decisões sem intervenção humana.
  4. Coleta de dados em tempo real: essencial para as tomadas de decisões e controle das máquinas e do processo produtivo.
  5. Serviços: aqui acontece uma conexão entre o time de tecnologia da informação com o time de engenheiros oferecendo serviços de conexão e armazenamento em nuvem.
  6. Modularidade: adaptação flexível das Fábricas Inteligentes para requisitos mutáveis através da reposição ou expansão de módulos individuais.
Pois bem, aqui começam os desafios.

O primeiro é entender o que realmente é uma solução da Indústria 4.0. É comum que as empresas confundam um sistema informático com indústria 4.0. Outra dificuldade é a Segurança da Informação, uma vez que dados estratégicos da empresa é armazenado em nuvem.

Durante muito tempo a Engenharia e Chão de Fábrica desenvolviam seus projetos de forma independente. Agora necessita trabalhar a quatro mãos a Tecnologia da Informação, com uma velocidade ainda maior, caso queira sair na frente de seus concorrentes.

Outro fator são os custos dos sensores inteligentes que apesar de ter barateado nos últimos anos, ainda dificultam em alguns casos a viabilização da implantação de algumas soluções.

Para os amantes da automação e da informática estes desafios são superados pelo mero fato de ver soluções inteligentes e extremamente funcionais acontecendo diante de seus olhos. O profissionais que participam ativamente de tais projetos orgulham-se em gravar seus nomes na história da revolução mais significativa que apareceu após à Primeira Revolução Industrial.

 

Saiba mais aqui https://pt.wikipedia.org/wiki/Industria_4.0

Gostou? Compartilhe

Deixe uma resposta